>
Image

Ginástica Artística - Iniciação

GAF

A Ginástica Artística Feminina (GAF) é uma das disciplinas da Ginástica que integra o quadro das Modalidades Olímpicas, sendo inclusive uma das mais populares, a par do Atletismo e Natação.

A Ginástica Artística Feminina compreende um conjunto de 4 especialidades (aparelhos): Saltos, Trave, Paralelas Assimétricas e Solo.

Saltos:  os saltos são executados a partir de uma corrida prévia com o máximo de 25 metros com chamada a dois pés no trampolim e um apoio das mãos na "mesa" de saltos, após o que a ginasta realiza uma série de rotações, concluindo com uma receção equilibrada.

Paralelas Assimétricas: o posicionamento dos banzos, um mais alto que o outro, é a característica principal deste aparelho, onde a ginasta deve apresentar movimentos de balanço contínuos (sem paragens), com mudanças de banzo e de pegas com rotações, elementos com voo (despegues) com largada da barra e retorno. As saídas são parte integrante da execução do exercício e são movimentos acrobáticos espetaculares.

Trave: nesta especialidade (aparelho) a ginasta deve apresentar elementos acrobáticos, com variações no ritmo entre movimentos, rápidos e lentos, para frente, lado e para trás. Solo: o exercício de solo, realizado com música e coreografado para a mesma, deve conter predominantemente elementos acrobáticos, combinados com outros movimentos de força, de flexibilidade e de equilíbrio com combinações coreográficas, formando um todo harmonioso.


GAM

A Ginástica Artística Masculina (GAM) é uma das disciplinas da Ginástica que integra o quadro das Modalidades Olímpicas, sendo inclusive uma das mais populares, a par do Atletismo e Natação.

A Ginástica Artística Masculina, compreende um conjunto de 6 aparelhos: Solo, Cavalo com Arções, Argolas, Saltos, Paralelas e Barra-Fixa. 

Solo: os exercícios no solo, devem conter predominantemente elementos acrobáticos, combinados com outros movimentos de força de flexibilidade e de equilíbrio com combinações coreográficas, formando um todo harmonioso.

Cavalo com arções: os exercícios devem conter movimentos circulares apelidados de "círculos" e pendulares "tesouras" com utilização de todas as partes do cavalo, devendo ser executados sem paragens.

Argolas:  neste aparelho o ginasta deve apresentar uma variedade de movimentos estáticos, alternados com elementos de balanço à frente e à retaguarda e de força. O exercício deve ser concluído com uma saída acrobática. 

Saltos: os saltos são executados a partir de uma corrida prévia de 25 metros com chamada a dois pés no trampolim e um curto apoio das mãos na "mesa" de saltos, após o que o ginasta realiza uma série de rotações, concluindo com uma receção equilibrada.

Paralelas: o exercício de paralelas deve conter uma combinação de movimentos de balanços de voo e estáticos. O ginasta deve utilizar todo o comprimento dos banzos e apresentar movimento por baixo e sobre os banzos, com predominância dos movimentos de balanço e terminando com uma saída acrobática.

Barra-Fixa: o ginasta deve apresentar movimentos de balanço contínuos sem tocar com o corpo na barra, utilizando mudanças de pegas com rotações, elementos com voo (despegues) com largada da barra e retorno. As saídas são parte integrante da execução do exercício e são movimentos acrobáticos espetaculares.

Inscrições limitadas

horario logo s esp      insc logo sem esp
Image
Image
© 2020 União Recreativa Dafundo. Todos os Direitos Reservados.